menu

4 dicas simples e práticas para você utilizar no Instagram da sua empresa

27 de julho de 2017

Você começou a usar o Instagram para divulgar seu produto ou serviço, mas está com dúvidas e achando o sistema um pouco confuso? Não fique assim! Este artigo, que vai ser o primeiro de muitos sobre este tema, traz quatro dicas para o Instagram da sua empresa. São simples e podem ajudar você a obter um resultado melhor. Vamos lá?

1. Use hashtags

Hashtags são palavras-chave precedidas pelo símbolo # dentro das redes sociais. Por meio das hashtags você consegue atingir mais usuários dentro do Instagram e segmentar melhor a publicação. Por isso, o indicado é usar aquelas que realmente tem a ver com o conteúdo que você está publicando e, principalmente, com o seu negócio.

Muitas pessoas pesquisam as hashtags mais famosas da rede para impulsionar a publicação. Mas elas esquecem que o conteúdo estará sendo visualizado por pessoas que não têm interesse naquele tipo de informação. Ou seja, além de estar “queimando ficha” você pode dar um tiro no pé ao oferecer informação desconexa para os usuários.

Se você já tem algumas palavras-chaves definidas para o seu negócio, comece por elas. Se não, defina as palavras-chaves e verifique se elas são bem utilizadas na rede.

Não há nada de mal em utilizar hashtags próprias, como o #nomedaempresa, por exemplo. Aliás, esse tipo de hashtag ajuda a filtrar os posts da sua empresa, ou pode até mesmo ajudar a organizar uma promoção. Mas as demais hashtags devem fazer sentido. Nada de colocar frases em hashtags porque isso só polui sua timeline e confunde a cabeça do usuário.

Em alguns casos certas hashtags podem até pegar mal, pois a junção de algumas palavras podem dar duplo sentido ou até mesmo não fazer sentido.

2.Links nas publicações

Você deve ter percebido que o ainda não é possível colocar links nas publicações do Instagram. No Stories, algumas empresas já conseguem esse feito. Para resolver esse problema o caminho mais simples é usar o espaço para URL deixado na parte de informações do perfil, chamada também de “bio”. Então, na prática, é só escrever a legenda normalmente e informar que o link do post em questão está na bio.

Nessa URL você pode deixar o link do seu site ou blog, por exemplo. Mas por questões de usabilidade o ideal é ir mudando o link à medida em que se for publicando novos conteúdos e divulgando novos links seja de  textos, produtos ou serviços. Assim, o usuário será direcionado diretamente par ao conteúdo mencionado, otimizando o processo.

3.Cuidado com a automação

Eu recebo, e você também deve receber, diversos e-mails de ferramentas milagrosas para o Instagram. Ferramentas que curtem automaticamente todos os posts que você quiser, que interagem automaticamente com os usuários que comentam (e até com outros perfis) que prometem diversos seguidores em poucos dias… enfim! O ditado de que tudo que vem muito fácil merece desconfiança também pode ser aplicado aqui.

Não sou contra automação, pelo contrário! Ela facilita nossa vida e tem dominado cada vez mais espaço em todos os setores. Mas, nesse caso especificamente, das redes sociais, elas podem gerar uma baita dor de cabeça.

É que os donos das redes trabalham constantemente para melhorar a experiência do usuário. Por isso, sistemas que usam “robôs” para interagir e divulgar o que quer que seja são considerados como spams.

Sabe o que pode acontecer? Isso mesmo! Sua conta ser penalizada e até excluída. Cá pra nós, com certa razão. Redes social, como o próprio nome já diz, é para troca de informações, interações, para agregar conhecimento, conhecer novas pessoas empresas e produtos. Fazer isso de formar automática é o fim da picada, não mesmo?

Eu particularmente, só uso a automação para o caso de agendamentos de posts, porque facilita o trabalho, deixa mais organizado e salva a gente naqueles dias em que estão mais puxados que os demais. E, claro, para a coleta de informações que dão forma aos nossos relatórios. Também são essenciais para isso.

No mais, minha dica é: cuidado!

4.Informe sobre o seu publipost no Instagram da sua empresa

Uma prática muito comum no Instagram e também em outras redes é o publipost. Publipost é a divulgação de parceiros e/ou outras marcas, produtos e serviços dentro do Instagram da sua empresa. O antigo “merchandising”.

O Instagram ainda não disponibiliza uma ferramenta própria para indicação de Publipost, como é o caso do Facebook. Mas é importante sempre avisar quando é esse o tipo de conteúdo compartilhado, caso contrário vai parecer que você está sendo desleal com o público.

Mas, avisar como? Simples: coloque em algum lugar da publicação a palavra “publipost” ou “anúncio” ou “patrocínio” ou “ad”. Para ficar ainda mais organizado, esse exemplo do Hugo Gloss é bem legal. Ele coloca “Publipost” como localização. Assim a palavra aparece logo acima da foto e fica bem interessante. Vale testar.

Curtiu? No vídeo abaixo eu falo um pouco mais sobre essas dicas. Assista-o para complementar seu aprendizado e aproveite para assinar o meu canal clicando aqui.

 

Espero que essas dicas ajudem no trabalho com o Instagram da sua empresa . Em breve eu volto com mais conteúdo para você! Se quiser deixar uma pergunta, sugestão ou contribuição nos comentários, fique à vontade. Um abraço!

CATEGORIA: Dicas para empresas
© Rute Faria 2017